16
Dez
2016

Doenças sistêmicas

Doenças sistêmicas Cuide do seu sorriso. Ele ainda tem muitas conquistas pela frente.

Descuido com a saúde bucal pode agravar doenças sistêmicas
Você sabia que doenças periodontais como a gengivite, por exemplo, podem contribuir para o desencadeamento das doenças sistêmicas, tais como diabetes e problemas cardiovasculares?

Além disso, elas ainda podem colocar a gestação em risco. Por isso, é sempre bom ficar atento aos cuidados do dia a dia.

"Estudos recentes revelam que a periodontite é um fator de risco moderado tanto para problemas cardiovasculares quanto prematuridade e baixo peso", explica a dra. Patrícia Izabel Colombo, da Amil Dental.

Isso porque a periodontite é capaz de aumentar os níveis plasmáticos dos marcadores inflamatórios, enquanto o tratamento periodontal é capaz de reduzir esses níveis.

Entendendo o problema
A higiene bucal é fundamental para manter a saúde do seu sorriso e de todo o organismo em dia. Entenda por quê.

Diabetes
De acordo com a Sociedade Brasileira de Periodontologia (Sobrape), as pessoas com diagnóstico de diabetes possuem 2,5 vezes mais chances de apresentar doença periodontal. Isso acontece por conta da dificuldade deste público em reagir aos processos inflamatórios e infecciosos.

Além disso, a presença da placa bacteriana no diabético provoca uma inflamação gengival mais acentuada do que num indivíduo sem esse problema. Esse quadro dificulta o controle do diabetes e coloca em risco a saúde e o bem-estar.

O controle da doença periodontal pode melhorar o controle glicêmico de pacientes com diabetes mellitus tipo 2.

Doenças cardiovasculares
Segunda causa de morte no país, as doenças cardiovasculares na maioria das vezes podem ter os fatores de riscos prevenidos. E uma medida importante para isso é o cuidado com a saúde da boca.

De acordo com dados do Incor (Instituto do Coração), 40% dos pacientes atendidos com endocardite bacteriana (inflamação no revestimento e válvulas cardíacas) apresentam má higiene bucal. E as pesquisas indicam que pessoas com doença periodontal são duas vezes mais suscetíveis a desenvolverem doenças cardíacas do que as que estão com as gengivas saudáveis.

Parto prematuro
A literatura aponta que as gestantes com problemas de gengivites possuem sete vezes mais chance de ter um bebê prematuro ou com baixo peso. Por isso, é importante que a gestante faça um acompanhamento dentário antes e durante a gestação.

Como prevenir o problema
A melhor forma de evitar o surgimento das doenças periodontais é fazendo o acompanhamento regular com o dentista. Além disso, é importante:

• Manter uma escovação correta, no mínimo três vezes ao dia;
• Utilizar uma escova com cerdas macias;
• Usar uma inclinação suficiente para escovar a gengiva adequadamente;
• Utilizar o fio dental ao menos em uma das escovações;
• Jamais deixar de escovar os dentes antes de dormir;
• Sempre procurar o dentista ao sinal de sangramento na gengiva.

Fique atento à higiene bucal e previna outros tipos de problemas à sua saúde. 
« Voltar

Deixe o seu comentário

Nome:

E-mail:

Código:

0 Comentários
Topo

Informações e Contato

azulcorp@azulcorp.com.br
Rua Jovita, 238, A | Santana | São Paulo - SP |

Informações Importantes

SUSEP nº 10.2017620.1

Nós Ligamos Para Você


Preencha os campos abaixo que nossa equipe entrará em contato.

Nome:

E-mail:

Telefone: