Como funciona a implantação de chip em animais

A tecnologia tem oferecido uma série de benefícios, não apenas para as pessoas, mas também para os animais. Imagine por alguns instantes, que o seu pet, seja um cão ou um gato, por exemplo, simplesmente suma.

Por mais desesperador que seja, somente o fato hipotético disso ocorrer já nos causa calafrios, não é mesmo?

No entanto, com a tecnologia avançando a passos largos, e o advento da implantação de chips em animais, essa situação tão angustiante pode ser facilmente solucionada.

Quer entender como funciona a implantação de chip em animais? Então acompanhe o post de hoje aqui no blog!

Chip em animais: além do RGA

É bem comum encontramos coleiras em gatinhos e caninos com o famoso RGA (O RG animal), porém, uma tecnologia que vem ganhando espaço nos animaizinhos mais “hightech” é o implante de chip para não somente identificá-los, mas também, rastrear os pets quando eles desaparecem ou se perdem.

Mais recorrente em animais tidos como exóticos e silvestres, os chips ao que tudo indica, devem ser cada vez mais constantes nos animais domésticos.

De acordo com o site “Canal do Pet”:

O microchip para cães e gatos é um sistema eletrônico, do tamanho de um grão de arroz, que é implantado sob a pele do animal. O dispositivo contém um código exclusivo e inalterável com todas as informações de identificação. É geralmente composto por duas partes: o microchip em si e a cápsula que o envolve, feita de um vidro biocompatível (não provoca alergias).

Fonte: Canal do Pet - iG

Como é feito o implante?

O implante do microchip somente pode ser realizado por meio de um profissional veterinário.

Para tanto, usa-se uma seringa diferenciada, capaz de introduzir na  altura da nuca do animal, a cápsula do microchip.

A aplicação é similar a aplicação de vacina, e não requer anestesia. Para efetuar a leitura do chip, há um leitor com scaner, específico para tal finalidade.

É bem raro verificar-se algum tipo de reação adversa por parte de cães e gatos, e caso você pretenda fazer este implante em seu pet, recomenda-se esperar que ele tenha ao menos entre um ou dois meses, no mínimo.

E então, o que achou da novidade? Conte pra nós!

Topo

Informações e Contato

azulcorp@azulcorp.com.br
Rua Jovita, 238, A | Santana | São Paulo - SP |

Informações Importantes

SUSEP nº 10.2017620.1

Nós Ligamos Para Você


Preencha os campos abaixo que nossa equipe entrará em contato.

Nome:

E-mail:

Telefone: